Mayara Guedes
O amor cabe até onde não tem cabimento.
?
? Eu me chamo Antônio. (via delator)

(Source: fickyss, via vejabemm-meubemm)

Se foi amor, ainda é.
?
? Eu me chamo Antônio. (via romantizar)

(Source: e-nunciar, via romantizar)

Sempre fui de me doar. Ouvia, ajudava, consolava, me importava. E não foram poucas as vezes que, mesmo em segredo, eu deixava de pensar na minha vida pra ajudar os outros. Em segredo, explico, porque não acho que preciso de medalhas, prêmios ou troféus. Se eu faço, é de coração, sem esperar reconhecimento do outro. Mas, perdão, eu sou humana e sinto. O mínimo que a gente espera é gratidão. Aprendi que ela nem sempre aparece. Aprendi que às vezes as pessoas acham que o que a gente faz é pouco. Por tanto aprendizado, acabei descobrindo que é melhor eu cuidar mais da minha vida e menos da dos outros. Não quero morrer santa, quero morrer feliz. Então, a rebelião. Como assim? Onde ela está? Por que sumiu? Ai, meu Deus, como mudou. Não, eu continuo a mesma. Só que até o mesmo se transforma. E percebe que, guarde isso, ninguém vai andar ao seu lado. A gente aprende a caminhar sozinho, pode até ter o auxílio de alguma mão, um apoio, mas os passos são dados por você.No meio do caminho, entre acontecimentos, atalhos e força, você percebe que precisa abrir uma brecha para a fragilidade se instalar. E que chorar alivia a alma. Mais do que isso: abrindo a janela pra fragilidade é que você descobre o quanto de força ainda resta para seguir em frente.
?
? Clarissa Corrêa.  (via romeuemcrise)

(Source: s-i-m-p-l-i-f-i-c-a-r, via principe-do-apocalipse)

Sabe, quando a gente tem vontade de encontrar a novidade de uma pessoa? Quando o tempo passa rápido, quando você está ao lado dessa pessoa? Quando dá vontade de ficar nos braços dela e nunca mais sair?
?
? Nando Reis.  (via renovalizar)

(Source: cher-la-vie, via principe-do-apocalipse)

Eu não queria voltar no assunto, mas sabe, dói muito saber que definitivamente você está sumindo da minha vida.
?
? Tati Bernardi. (via romantizar)

(via romantizar)

Nunca é do jeito
que eu queria
e quando é,
eu não quero.
?
? Tati Bernardi.   (via romantizar)

(Source: linguagem, via romantizar)

Entenda, é tudo novo pra mim. Nunca precisei tanto de alguém como preciso de você, nunca desejei tanto um sorriso como desejo o seu, nunca esperei tanto por um beijo como espero pelo seu. Eu nunca fui tão eu mesma como sou com você. Perdão se às vezes meu jeito infantil de reagir te assusta ou te incomoda. Repito, é tudo novo para mim. Sinto-me uma criança confusa diante desse sentimento, sinto-me frágil diante do medo de te perder, sinto-me pequena diante da perfeição que a cada dia descubro em você, sinto-me cega diante da luz e magia que flui naturalmente dos seus olhos e do seu sorriso. Eu não sei o porquê de tudo isso. Não compreendo a imensidão do meu desejo. Desculpe pela infantilidade que te amar despertou em mim.
?
? Caio Fernando Abreu     (via romantizar)

(Source: que-seja-leve, via romantizar)

Mas não te procuro mais, nem corro atrás. Deixo-te livre para sentir minha falta, se é que faço falta… Tens meu número, na verdade, meu coração, então se sentir vontade de falar comigo ou me ver, me procura você.
?
? Caio Fernando Abreu. (via romantizar)

(Source: delator, via romantizar)

Ela me disse: Eu não sei mais o que eu sinto por você, vamos dar um tempo, um dia a gente se vê.
?
? Legião Urbana.    (via romantizar)

(Source: eucaliptas, via romantizar)